Angélica: “meu pai acha que ser gay é uma doença”


O grupo dos gays, os coloridos, resolveu conversar sobre sua sexualidade enquanto faz a prova do líder. “O Brasil inteiro está do nosso lado. Só em São Paulo são 2 milhões de gays.Eles vão votar muito pra gente ficar!”, disse Dicesar.

Depois, Sérgio questionou Angélica se era não gostava de homens  mesmo. “Sou gay, gay. Já tive namorados, mas há oito anos me assumi assim. Meu pai acha que ser gay é uma doença”, desabafou, explicando que a mãe aceitou de cara, mas depois “surtou”.

Foi então a vez de Sérgio desabafar. “Ás vezes eu beijo minhas amigas de brincadeiras, mas aquilo é só carinho. Jamais teria uma relação sexual com uma garota. Já tive, mas a gente sabe que aquilo não é para ser, que não preenche.”

Anúncios
  1. No trackbacks yet.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: